3

Mais um mimo...




Como retribuir tanto carinho? É tão gratificante quando as pessoas reconhecem nosso trabalho. A "fadinha" Tamara do "Amo Flores de Fuxico!", me presenteou  com este delicado selinho.
No seu perfil, Tamara cita que é formada em história e que não quis seguir a profissão porque sua experiência foi traumatizante.
Eu entendo e imagino o que Tamara deve ter passado. Além dos problemas em sala de aula, ainda nos culpam de muitos problemas que atingem a sociedade.
Quem se habilita a dar aula? Quem? Quem?
Poucos...
Tenho 22 anos de magistério, 2 cargos: Professora de Ensino Básico I e II e sei exatamente o que  a amiga quer dizer.
Ingressar na educação na época que nos encontramos é verdadeiramente uma "missão"... Somos missionários, morremos por nossas causas, pregamos conhecimentos e conceitos desacreditados.
Todos os anos peço imensamente ao Papai do Céu que me fortaleça nas minhas escolhas, sabedoria, discernimento e acima de tudo... Amor! É através dele que sou transformada e transformo. Amo meus "docinhos" (alunos) e quando penso que nada mais posso... Busco no Senhor que me fortalece.
Aos amigos professores... fé e coragem!



3 comentários:

FLAVIA CRISTINA C. disse...

É ISSO MESMO, TAMBÉM PENSO ASSIM, FAÇO TUDO QUE POSSO, E PEÇO AJUDA AO PAI DO CÉU QUANDO NÃO ESTÁ AO MEU ALCANCE RESOLVER CERTAS CITUAÇÕES, EU TRABALHO COM MATEMÁTICA DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO, E O QUE ME ANIMA É QUE O RESULTADO É VISIVEL EM POUCOS ANOS, TENHO MUITOS ALUNOS MÉDICOS, DENTISTAS, ETC... ISSO EM 14 NOS DE PROFISSÃO ISSO COMPENSA TODOS OS SAPOS QUE TEMOS QUE ENGOLIR rsrsrs. BEIJINHOS...

Amo Flores de Fuxico! disse...

Oii Fátima, adorei ver o meu selinho em seu blog, e ver o enorme carinho com que falou de mim, vc parece ser uma pessoa muito doce, e ainda por cima professora, deve ser uma ótima proferssora, pois são muitos anos de experiência.
Quando eu ainda estava na faculdade tinha uma "ilusão" de que eu seria uma boa professora, que inventaria aulas diferentes e com didática para chamar a atenção doa alunos, pois a maioria das pessoas odeiam história, mas não se dão conta que tudo é história! e que ela nãa faz parte apenas do passado, porém a primeira vez que entrei em uma sala de aula foi extremamente traumatizante, foi em uma 6º série, me lembro que tinha aluno subindo na carteira, outro passando a mão no pó de giz que estava na lousa e carimbando as costas de todos os outros alunos, outros se pendurando na cortina e outros na porta.
Não foi fácilllll.... me lembro que quando cheguei em casa chorava muito.
Agoro decidi que não quero exercer a profissão, e vou começar outra faculdade, agora de Ciências Contábeis, totalmente diferente.
As vezes fico meio chateada de ter estudado trÊs anos, e não usar essa faculdade para nada, mas... conhecimento nunca é demais né.
Acho que me emploguei e escrivi D+.
Te vejo como uma vencedora, por estar trabalhando na educação por tanto tempo.
Mil beijos, obrigada pelo carinho.
Tamara

Myung disse...

Que bacana saber que você também é professora, Fátima! Eu sou recém-formada em Pedagogia, estudei 6 anos e agora não encontro emprego. Ainda não saiu concurso aqui pra Campinas, estou esperando... Estou atrás de alguma coisa na rede particular, mas não consigo nada, ninguém contrata recém-formada... Oferecem vaga de estagiária, que não compensa nem um pouco... Já trabalhei 6 anos de estagiária enquanto estava cursando a faculdade... Tenho 6 anos de experiência na área e mesmo assim não contratam... Desanima um pouco...
Ver a situação da educação no país também é desanimador. Estou triste por ter me formado em educação e estar nessa situação... desvalorizada.
Bato palmas e tiro o chapéu pra todos que são professores e que trabalham com educação no Brasil. Não é pra qualquer um não!

Beijos!

http://coisasdamyu.blogspot.com
http://cochilodenuvem.blogspot.com

Myung~♥